«

»

mar 10

Campanha da Fraternidade 2011

 

 

Já era tempo de haver uma mobilização para a conscientização de um tema por demais importante, tal qual o da Campanha da Fraternidade 2011: Fraternidade e a Vida no Planeta – A Criação Geme Dores de Parto. Para tanto é necessário que tenhamos uma macro visão sobre os detalhes que comprometem a vida no planeta, quando digo detalhes, é porque temos a visão errônea de não perceber que nossa conduta cotidiana contribui e muito para os possíveis desastres que poderão advir, ou melhor já vindos, caso não mudemos os nossos hábitos, como por exemplo: as pequenas poluição que patrocinamos “INOCENTEMENTE” todos os dias; creio que não é necessário descrever tais hábitos, uma vez que todos já são sabedores.

Há certo tempo ouvi um trecho de um texto que dizia: “__O homem sonha com o alimento que é a paz e faz um sorriso triste olhando a Terra que foi um dia o seu jardim”, e paralelo a este trecho tem uma máxima de Antoine de Saint-Exupéry, que diz: “__Somos responsáveis por aquilo que cultivamos”. Então, se amamos tanto aquilo que nos foi doado gratuitamente, temos o dever de conservar, para as futuras gerações, uma vez que estamos aqui de passagens e com o status de zeladores das coisas que usamos. Como bem disse Frei Leonardo Boff, Deus não pode ser entendido como um ser abstrato, mas como tudo que compõem o universo.
Os grandes organismos internacionais já estão se mobilizando numa única consciência para reverter este quadro nefasto, mesmo que tímidos, em relação ao grande processo devastador que foi instalado, patrocinado pela ganância.

O texto base da CNBB nos aponta para o tripé, VER, JULGAR E AGIR, que quer dizer no único contexto: As ações propostas devem ter um embasamento técnico, responsável e maduro, para que paulatinamente, sem retrocesso, o avanço aconteça e a natureza não mais geme dores de parto que prenuncie a MORTE.

 

P/ João Bosco de Melo

Dores de Campos, 04 de fevereiro de 2011.

PASCOM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>